La palabra alrededor del mundo, mayo de 2012.


Vorto en la mondo, Palavra no mundo, Parola nel Mondo, Worte in der Welt, Rimayninchi llapan llaqtapi, Paràula in su Mundu, Cuvânt în Lume, Parole dans le Monde, Ordet i verden, Word in the world, Palabra no mundo, Ñe’ê arapýre, Paraula en el Món, Chuyma Aru, Koze nan lemond, Kelma fid-dinja, Milá baolam, Nagmapu che dungu, Tlajtoli ipan tlaltikpaktli, Vort in Velt, Dünyada kelime, lhamet ta íhi honhát, Titzaa Yeezii Loyuu, Dunyoda so’z , Слово в мире, Pallabra nel mundu, Hitza Munduan, T'aan yóok'ol kaab, Riječ u svijetu

fip palabra en el mundo

Festival Internacional de poesía en todas partes!

X edición - del 1 al 31 de mayo del 2016

junio 07, 2013

Praça dos Imigrantes - A Palavra Nas Comunidades

Ontem, na praça dos Imigrantes, o que vimos e ouvimos foi um grito de"ESTAMOS AQUI" - FAZEMOS PARTE DESTA HISTÓRIA. CHEGA DE FINGIR QUE NÃO NOS VÊEM. CHEGA DE IGNORAREM NOSSAS CULTURAS E OS NOSSOS VALORES" Eu entendi a colocação e o grito e lhes disse que se não formos unidos seremos devorados pelos de fora.A lei que tem de vigorar é a união, em todos os tempos e em todas as horas. Estiveram conosco os Ciganos e a sua cultura, danças circulares, e danças ciganas. Recebemos, também, a cultura negra - através do pessoal do MESTRE JAMAICA, entidade que está completando 22 anos de existencia nesta semana - ensinando aos jovens a educação e a responsabilidade através da Capoeira. Apresentaram-se os alunos de Navirai-MS. Também pudemos apreciar a apresentação do MACULELÊ - amigos - emocionante e indiscritivel a força desses trabalhos. E, por último, tivemos o Centro de Pesquisa e Folclore Mar de Xaraes - com declamações, apresentação do coral mirim e das danças folcloricas gauchas. Tivemos, na praça, durante o dia - em torno de 500 pessoas - acho que isso é a expressão maior do sucesso que foi em nossa Capital o Festival Internacional da Palavra. Levamos a cultura, a arte, a poesia, a musica, a dança, o folclore, o artesanato a todoas as pessoas. Demos a elas - oportunidade sde se manifestarem. Obrigada Edilia - artesã que nos emprestou o som. Obrigada Maria , presidente da Associação dos Artesãos da Praça dos Imigrantes. Obrigada Iris Viana, representante da FUNDAC, a Iris, entusiasta da arte e da cultura. Ana José Lopes - do Movimento Negro, Cigana Luna, representando o Povo Cigano e o Teddy Turatti - representando o folclore e a pesquisa. Parabens a todos - a rainha do evento - foi sem duvida, a PALAVRA em todas as suas formas.

No hay comentarios:

Publicar un comentario en la entrada

VII fip Palabra en el Mundo